Prêmio Acessibilidade oferecido à Gol.

A companhia aérea Gol recebeu nessa quarta-feira 14, em Brasília , o Prêmio Direitos Humanos, na categoria Selo Nacional de Acessibilidade. Essa é a mais alta condecoração do governo brasileiro para aqueles que desenvolvem ações na defesa dos direitos humanos.

Um dos investimentos mais recentes da empresa foi a introdução de uma rampa especial. A rampa auxilia passageiros com deficiência no embarque e desembarque remotos. Passageiros nos aeroportos Santos Dumont, no Rio de Janeiro, e Congonhas, em São Paulo já podem utilizar o serviço.

 Para os clientes com deficiência auditiva, a companhia oferece nos aeroportos de Congonhas e Guarulhos, máquinas com tradução simultânea. O site da Gol também segue o padrão internacional web da W3C. O mesmo foi desenvolvido para usuários com deficiência visual.

Já passageiros com deficiência visual contam, nos aeroportos nacionais, com um livreto em braile com as informações expostos nos balcões. A bordo da aeronaves, a companhia disponibiliza, em todos os voos, o manual de segurança adaptado em braile e fonte com letra maior para pessoas com baixa visão.

“Promovemos melhorias constantes no atendimento aos clientes e esse prêmio é o reconhecimento de todos os esforços de um time multidisciplinar que trabalha todos os dias para proporcionar mais acessibilidade e autonomia aos passageiros, com segurança e inteligência”, afirma Sergio Quito, Vice Presidente de Operações Aeroportuárias da GOL. “Esperamos oferecer aos clientes com deficiência e mobilidade reduzida ainda mais facilidade e agilidade em todos os processos da viagem”, complementa o executivo.